Descrição de anúncios de veículos: 7 erros que você deve evitar

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Vender um carro novo ou seminovo é um processo que pode demorar, exigindo paciência.

Existem alguns erros que podem dificultar o encontro entre vendedor e comprador. Geralmente, são problemas na descrição de anúncios de veículos, elemento essencial para despertar interesse em potenciais compradores.

A seguir, separamos uma lista com 7 dos piores erros cometidos nessa hora, que espantam clientes e prejudicam as vendas. Quer saber quais são e como evitá-los? Continue lendo e descubra!

1. Colocar preço incorreto

Colocar o preço incorreto no anúncio é um erro grave. Isso costuma ocorrer por desatenção, falha na hora de digitar, cálculo equivocado, etc. Você também pode mudar de opinião sobre o valor ao longo do tempo e se esquecer de atualizar o anúncio.

Para acertar na escolha do preço, consulte a Tabela Fipe. Nela, estão os preços médios de veículos no mercado nacional, que servem de parâmetro para vendas, trocas e outras negociações. Outros aspectos que também interferem no valor final são cor, modelo, região da venda, inclusão de acessórios, etc. Verifique tudo isso antes de publicar o anúncio para que ele não saia com erros.

Com informações incorretas, as possibilidades de perder a venda são altas e você ainda corre o risco de ser mal-avaliado na comunidade online. Além disso, você também poderá ter problemas legais por propaganda enganosa.

Tenha cuidado ao fazer ofertas que pareçam exageradas ou “irreais”, pois é possível que elas sejam removidas pela plataforma.

2. Ocultar a quilometragem do veículo

Ocultar a quilometragem do veículo pode parecer uma ideia esperta para não espantar potenciais compradores, mas não é uma boa prática.

O principal motivo é que isso pode justamente despertar a desconfiança dos usuários, que evitarão o seu anúncio por temer que o carro tenha rodado muito. Afinal, por qual outro motivo você esconderia a informação?

Além do mais, o real estado de conservação do automóvel tem um peso muito maior do que a quilometragem, sendo mais importante na decisão do comprador.

3. Descuidar da qualidade das fotos

Fotos ruins não geram interesse nos internautas que pesquisam por veículos, diminuindo as chances de venda. Portanto, é essencial fazer fotos com alta qualidade para atrair potenciais clientes.

Não basta se preocupar apenas  com a qualidade técnica e se esquecer do conteúdo em si. Ou seja, é preciso que as imagens realmente mostrem o carro. Para aumentar suas chances de venda, lave seu automóvel e passe cera. Cuide também da iluminação e do ambiente onde as fotos vão ser tiradas, de preferência, utilize a luz solar.

Foque nos detalhes, fazendo imagens claras e objetivas das diferentes partes internas e externas do veículo, sem se esquecer dos acessórios. Mostre os bancos, pneus, faróis e qualquer elemento que possa servir de atrativo.

Não coloque bordas nem textos promocionais nas fotos. Faça o upload de imagens de alta qualidade, para que os interessados consigam enxergar os detalhes. É recomendado que elas possuam no mínimo 800×600 pixels.

4. Dar informações vagas ao descrever o veículo

Não detalhar a descrição é um erro que pode custar caro. Afinal, quem pesquisa por um produto quer saber o maior número de dados possíveis sobre ele, não é? Você precisa informar:

  • todos os opcionais e acessórios que não vêm de fábrica;

  • o seu estado de conservação;

  • ano de fabricação e de compra;

  • marca e modelo;

  • número de portas;

  • cor;

  • tipo de combustível;

  • quilometragem;

  • dados sobre o motor;

  • eventuais riscos e amassados.

É importante informar se você aceita trocas, parcelamentos (com quantidade e valores das parcelas) e se há multas em aberto (com o valor delas).

Por fim, cuide para não exagerar no texto. Tente descrever o máximo de informações relevantes de forma clara, concisa e objetiva. Descrições muito longas também podem gerar desinteresse.

Pense em um bom título, pois essa é a primeira coisa que o usuário do site vê. Quanto mais objetivo ele for, maiores são as possibilidades de concluir a venda. Considere incluir dados da marca, modelo e especificação, além do motor, ano do veículo e número de portas.

Algumas informações, como a cor, podem ser vistas na imagem de acompanhamento, mas não deixe de mencionar na descrição para facilitar as pesquisas.

5. Ir contra a política de anúncios do site

Um erro comum é anunciar sem observar as regras da plataforma, o que pode causar problemas e diminuir as suas chances de ser encontrado por alguém interessado.

Se for postar algo, leia a política de uso do site. Caso contrário, sua publicação pode ser removida.

Ao analisar as normas, é preciso observar a quantidade de anúncios permitidos, as regras sobre o que pode ou não publicar, os requisitos mínimos de qualidade das imagens, etc.

6. Incluir informações desorganizadas e sem uma boa apresentação

Apenas incluir descrições detalhadas não basta, pois elas precisam de uma boa apresentação. É necessário que seu texto seja objetivo e bem-organizado, com espaço entre os parágrafos. Assim, os usuários não têm que se esforçar muito para encontrar os principais dados do veículo.

Os clientes devem entender do que se trata o anúncio só de bater o olho. Caso contrário, eles vão buscar outras publicações mais coerentes e fáceis de ler.

Evitar erros de português é essencial, não só para que o comprador tenha uma boa impressão, mas também porque isso ajuda na localização do anúncio no site.

7. Omitir dados para contato

Omitir dados para contato pode arruinar um bom negócio, simplesmente porque um potencial comprador não conseguiu falar com você. Ou seja, todo o esforço em evitar os erros acima poderá ser em vão se não deixar canais de comunicação para que as pessoas conversem com você e tirem dúvidas.

Para evitar isso, inclua seu e-mail e telefone pessoal nos campos específicos. Se puder acrescentar suas redes sociais e mais de um e-mail ou número de telefone, melhor ainda.

Quando receber dúvidas e questionamentos, busque respondê-las rapidamente. Seja cordial, atencioso (a) e dê informações pertinentes e concisas.

Seguindo as nossas dicas, você terá mais chances de fechar um bom negócio e não precisará se preocupar tanto com eventuais problemas gerados por inconformidades na sua publicação.

Gostou da lista dos erros que devem ser evitados na descrição de anúncios de veículos? Então assine nossa newsletter e fique por dentro das próximas dicas para fechar negócios no ambiente online!

 
Compartilhar

About Author

2 Comentários

    • Mariana da OLX on

      Oi Carlos,

      Que bom que gostou do conteúdo! Volte sempre para consultar dicas e conhecer estratégias para potencializar o seu negócio!

      🙂

Compartilhe sua opinião com a gente, através dos comentários.

Share This